Veja a imagem no Flickr

Árvores e Vinhos

Sempre achei extremamente agradável a combinação entre ávores e vinhos. Seja bebendo um bom vinho à sombra de uma árvore com uma ótima paisagem (quase uma cena de cinema) ou mesmo o desenho dos rótulos com a temática arbórea. Isso tudo sem considerar a maturação do vinho em barris de carvalho ou de outras madeiras que por ventura sejam utilizadas com sucesso para tal finalidade.

No último final de semana tive a oportunidade de degustar um bom vinho californiano da vinícola Oak Leaf. Para algumas pessoas com paladar mais refinado, talvez esse vinho de R$18,50 não seja o ideal. Mas a ideia aqui não é necessariamente discutir enologicamente o vinho, mas sim tratar de seu tema de árvore no rótulo. Muito embora, eu tenha gostado bastante desse vinho.

Oak Leaf Merlot

No rótulo deste Merlot da Oak Leaf podemos perceber quatro desenhos das diferentes condições das folhas do carvalho (oak leafs) conforme a estação do ano. Na figura do canto superior esquerdo vemos o carvalho no inverno, sem as folhas e com flocos de neve representados por cristais de gelo. No desenho do canto superior direito, já na primavera, temos as folhas do carvalho brotando. No canto inferior esquerdo temos, no verão, as maiores folhas. E por último, no canto inferior direito, as folhas com tonalidade avermelhada e em queda, no outono.

O mais interessante de tudo, é que o Quercus alba L., originário da região leste da América do Norte e conhecido popularmente por carvalho-branco, provavelmente seja a árvore inspiradora da vinícola.

Treasured White Oak (Quercus alba)Treasured White Oak (Quercus alba) por mystuart no Flickr, sob uma licença CC BY-NC-ND 3.0.
Créditos da imagem da capa do post: Tree in Wine por KnowColor no Flickr, sob uma licença CC BY-NC-SA 3.0.

Espero em breve poder trazer mais rótulos de vinhos com a temática arbórea. Um brinde ao carvalho-branco.